[coronar countries="Brazil"]

O homem encontrado morto com sinais de agressão dentro de um córrego na manhã de quinta-feira (24), nos fundos da subestação de Tratamento de Água da Sanepar, no Conjunto João de Barro I, Zona Sul de Maringá, foi identificado, na manhã desta sexta-feira (25).
A identificação de forma oficial, aconteceu após um trabalho em conjunto do IML com o Instituto de Identificação da PCPR, através do exame de papiloscopia (processo de identificação por meio das impressões digitais). Trata-se de Márcio Aparecido dos Santos, de 31 anos. A princípio o homem seria morador do Jardim Canadá, em Paiçandu.


O crime; O corpo do homem que foi encontrado na manhã desta quinta-feira (24) em um córrego, nos fundos da subestação de Tratamento de Água da Sanepar, no Conjunto João de Barro I, Zona Sul de Maringá, tinha sinais de agressão na cabeça.
De acordo com a Polícia Civil, a suspeita é que ele tenha sido morto a pedradas. O homem não portava documentos. O corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML), com apoio do Corpo de Bombeiros. Ainda de acordo com Civil, a identificação só será possível após perícia do Instituto de Identificação.

Escreva um comentário

error: Conteúdo protegido !!