[coronar countries="Brazil"]

Um detento do regime semi-aberto, foi executado com ao menos 10 tiros de revólver, no interior do Parque do Ingá (Bosque), em Maringá. O crime ocorreu no início da tarde desta segunda-feira (22). Gustavo Henrique Souza dos Santos, de 24 anos, era detento do CPIM (Colônia Penal Industrial de Maringá). Santos passava a noite no presídio, e durante o dia na companhia de outros detentos, trabalhava na limpeza da cidade. Ele prestava serviço para a Secretaria de Infraestrutura, em um convênio do DEPEN (Departamento Penitenciário do Paraná) com o município. Santos respondia pelo crime de porte ilegal de arma, e morava na cidade de Sarandi.
A vítima estava no seu horário de almoço, quando foi surpreendida pelo atirador. O criminoso teria pulado o alambrado, e na sequência cometido a execução. A princípio o suspeito teria fugido em um veículo Sedan que estava estacionado ao lado do Parque.

Socorristas do Samu estiveram no local,  mas o rapaz teve morte instantânea.  A cena do crime foi isolada, para o trabalho dos órgãos competentes. Depois o corpo foi removido e encaminhado para o IML.

O homicídio será investigado pela Polícia Civil, através da DHPP (Divisão de Homicídios e Proteção a Pessoa).

A prefeitura de Maringá, emitiu uma nota, a respeito do ocorrido. NOTA DE ESCLARECIMENTO; A Prefeitura de Maringá, por meio das Secretarias de Meio Ambiente e Segurança Pública, informa que está prestando todo o apoio para as equipes das Polícias Militar e Civil, que investigam a morte de um homem registrada dentro do Parque do Ingá.

Às segundas-feiras, o Parque do Ingá é fechado para a visitação do público. A possível vítima de homicídio no local era um homem que cumpria pena em regime semi-aberto e que prestava serviços terceirizados para a administração municipal via convênio com o Departamento Penitenciário do Estado do Paraná (Depen).
Segundo o Depen, o nome da vítima é Gustavo Henrique Souza dos Santos, tinha 24 anos de idade e foi morto a tiros por volta das 14 horas desta segunda-feira, 22. Equipe do Samu chegou a fazer atendimento médico, mas ele não resistiu e morreu no local.
Diretoria de Comunicação

Escreva um comentário

error: Conteúdo protegido !!